A atitude de cada número, segundo a Numerologia

Luiz Alexandre Jr explica a atitude de cada número, segundo a Numerologia.

Ser 1 é ser você mesmo e decidir sem medo de errar.

Ser 2 é se interessar por tudo que vem  do outro.

Ser 3 é falar dançar e cantar sua própria musica.

Ser 4 é refazer até acertar.

Ser 5 é mudar mesmo sem precisar.

Ser 6 é aceitar tudo que vier.

Ser 7 é acreditar no invisível.

Ser 8 é deixar de perder tempo com o que não tem valor.

Ser 9 é pegar tudo que veio antes, aprender e olhar para frente.

imagesOKQ9LLRY

Anúncios

Previsões 2014

Veja a previsão de 2014 para seu ano pessoal:

ano 7

Para calcular seu ano pessoal:

Dia nascimento + mês do nascimento + 2014 (ano atual) = Ano Pessoal

O número 7 é o número do ano 2014 (2+0+1+4=7)

Dia nascimento + mês do nascimento + 7 = Ano Pessoal

Ano Pessoal 1

O ano marca o início de um novo ciclo que durará mais 9 anos. Se conseguir resolver bem as lições pedidas no ano anterior que foi o 9, terá um ano positivo e conseguirá desenvolver projetos importantes. É o momento de mudança, de iniciar coisas novas e virar o jogo da vida. Muitas coisas que até então eram imprescindíveis, passarão a ter muito pouco peso ou importância; é hora de reavaliar tudo e dar um novo direcionamento. Se tiver medo de mudar, pelo menos mude a forma dê encarar o antigo. Tudo que se inicia num ano 1 tende a ser duradouro: amor, novo projeto e até amigos. Mesmo na dificuldade será importante manter as principais características positivas do número 1. Da mesma forma que todas as possibilidades poderão se abrir, o receio e o medo podem levar para o lado mais destrutivo do número e que poderá durar o ano inteiro.  O ano 1 só será aproveitável em sua plenitude, se as tarefas do ano 9 forem cumpridas; não se deve iniciar este ano com laços que liguem ao passado, principalmente aquelas coisas que não dão mais prazer, e que há muito vem se arrastando.  O ano 1 é o divisor de águas para todos os entes, sempre que ele aparecer, será uma grande oportunidade de acertar o relógio numerológico e a partir dele acompanhar de forma harmônica a vibração que cada número pede. Esta possibilidade aproximará os entes dos seus destinos e farão com que vivam estas novas passagens terrenas de forma mais útil, ajudando na sua evolução e dos seus semelhantes.

Ano Pessoal 2

O ano o 2 rege os relacionamentos, em todos os níveis. Deve-se tomar cuidado com as intrigas e fofocas, que farão parte do roteiro do dia-a-dia no decorrer do ano. Ele aumenta o desejo de união e traz muita possibilidade de sociedades e associações; pode representar também a quebra de contrato, matrimonial e de sociedade, ambas serão sucedidas por novas alianças. O ano marca também a materialização das idéias tidas no ano anterior (ano 1), que poderão ser executadas com ajuda de sócios. Algumas atividades que são consideradas como passatempo, serão de grande ajuda no orçamento familiar, bastando apenas deixar as coisas fluírem naturalmente, sem censura e sem se importar com que as pessoas vão dizer.  O ano é da paixão, tudo será movido por ela: o trabalho, a família, os relacionamentos e uma simples viagem. Para obter sucesso neste ano, faça as coisas com amor. Sua presença será solicitada em vários locais, procure ser atencioso, ande de forma mais lenta dentro da sua casa e no trabalho, observe cada detalhe a sua volta. Muitos negócios e oportunidades serão conquistados apenas observando as coisas a sua volta. Nas disputas, cheque as fontes antes de tomar uma decisão ou pender para um lado.

 Ano Pessoal 3

O ano 3 é o ano das oportunidades, da ocupação dos espaços e do crescimento.  Este ano marca a chegada da maturidade dos projetos iniciados nos anos anteriores; já é possível se dominar as mudanças feitas na carreira, no amor e nos relacionamentos do dia-a-dia. Há crescimento em todos os sentidos, a única coisa que impedirá de se chegar ao ápice, serão as lições não cumpridas nos anos 1 e 2. Lembre-se que na numerologia você deve estar em perfeita sintonia com a vibração que o número pede, caso contrário não desfrutará do lado positivo dele. O ano traz alegrias e o desejo de se soltar um pouco mais do que o normal: tudo que se refere a diversão, comida e sexo, serão tratados com muito mais interesse. O 3 traz disposição e energia para revirar as coisas, mexer nas gavetas, desembaraçar os assuntos complicados e até fazer mudanças radicais, sem culpa ou dramas. Mas, também poderá ocasionar problemas pelo excesso de excentricidade, pompa e presunção, causados pela sensação de poder intrínseco, fazendo com que se corra muitos riscos ou ponha-se em risco coisas já estabelecidas. O momento é de ampliar os horizontes, ocupar todos os espaços possíveis, expandir seus negócios ou simplesmente seus conhecimentos sobre o mundo, seja de forma acadêmica ou não. Desenvoltura na fala e na expressão corporal trazidas pela energia do 3, facilitarão a comunicação no trabalho, no círculo de amizades e na família: este equilíbrio fará com que se alcance postos mais altos na sua carreira. Por outro lado, se não se utilizar de maneira positiva esta energia, terá uma língua afiada e felina, causando problemas em diversos setores da vida, ora por falar demais, ora por falar impropérios para as pessoas erradas e na hora errada. O ano pode ser considerado como o mais alegre e promissor de todos dentro da matriz numerológica, mas deve-se guardar dinheiro e não contar com o mesmo momento positivo no próximo ano.

Ano Pessoal 4

O ano 4 é o ano da reconstrução e da retomada do controle. Ele pode ser considerado o mais difícil entre todos anos da matriz numerológica. Mesmo assim, será o ano em que será possível estruturar todas as coisas da vida cotidiana. Sua influência limitadora vai fazer com tudo seja posto no seu devido lugar, os períodos positivos, expansivos e alegres do ano 3, provocam muitos devaneios e desgastes desnecessários de energia, dinheiro e saúde. O 4 vem restabelecer a ordem natural das coisas e colocar os pés das pessoas no chão. O ano pede poupança, controle, autodisciplina e perseverança; todos estes ingredientes devem ser usados, pois os obstáculos e dificuldades só poderão ser superados com a utilização deles. É muito comum querer superar um ano difícil como este correndo, forçando as coisas e principalmente desesperando-se; o ano pede calma e passos lentos, organização e reavaliação de todos os procedimentos. O momento é de sentar à mesa de trabalho e rever cada passo dado nos últimos anos, e recomeçar do zero, caso seja necessário. O 4 favorece todo o recomeço, e toda iniciativa de reparos, desde uma simples reforma no chão da casa, na construção de imóveis, na mudança da rotina de trabalho, até o recomeço de uma nova vida.  Tudo será lento e vagaroso, com muitos detalhes, mas serão compensados nos próximos anos, e diminuirão o sofrimento e o impacto retroativo do ano.  É comum também ser surpreendido com perdas de dinheiro, emprego, trabalho e da saúde, estas coisas combinadas irão facilmente tirar a vontade de fazer qualquer coisa. Mesmo neste momento, deve-se apenas tratar os problemas de forma racional, na hora em que for fazer a retrospectiva, irá identificar onde estava o erro e o que ocasionou estas perdas. A grande sacada do ano é não só identificá-las, mas sim refazê-las da forma correta.

Ano Pessoal 5

O ano 5  é o ano da mudança. Normalmente ele é um ano difícil para quase todo mundo, não que ele seja negativo, é que a grande parte dos entes humanos resiste às mudanças e não gosta de se desfazer das coisas conquistadas. O desejo e a ideologia do consumo impedem que neste ano seja feita a verdadeira transformação, que poderá modificar o significado da vida para sempre. O 5 é o número da alquimia, indicando o momento de transformação da pedra bruta e do primitivo para a o ouro e o divino em nós. Ele representa o ente humano que já transitou e experimentou as sensações individuais e próprias da sociedade primitiva: a caverna, a família, o sexo, o amor e suas desilusões. Agora chegou a vez de dar novo alento, buscar novos rumos, novos portos e campos de batalha. É o caminho do meio na matriz numerológica, aqueles que fizerem bem esta lição irão evoluir. O ano é de muito movimento, cheio de surpresas e mudanças repentinas. Vai parecer que se está sempre a reboque de tudo, a cada dia uma nova notícia e uma nova forma de encarar as coisas. Não se deve confiar na aparente calma das coisas, contratos e acertos dados como fechados, podem mudar de uma hora para outra, esteja preparado. O 5 é um ano de contatos, viagens e deslocamentos rápidos. Deve se cuidar do campo energético: o 5 faz muita troca de energia, convém evitar contato físico excessivo. Para minimizar os efeitos nocivos destas trocas, tome banhos aromáticos e ionizantes, durante o ano. Não hesite em mudar, a resistência a ela será punida durante o ano, é bem provável que muitos dos assuntos que trarão dores de cabeça neste período tem raízes no ano 4. O ano 4 pediu estrutura e organização, se seu período neste momento for ruim é porque você não estruturou ou organizou sua vida de forma correta. O 5 pode trazer mudança de emprego, casa etc., não se desespere, pois o ciclo das coisas do passado chegaram ao fim e tudo neste momento é passageiro.

Ano Pessoal 6

O ano 6 é o ano do ajustamento e do acerto de contas. Costuma ser um ano tranqüilo, seu movimento e problemas serão relativos à família e aos relacionamentos de trabalho. Agora é hora de garantir as mudanças que foram feitas no ano 5. Se no ano passado não se teve controle das coisas, este ano tudo depende do controle e domínio. É um ano de alianças políticas, contratos e acordos para garantir segurança: é provável que casamentos e relacionamentos mais duradouros aconteçam neste momento, a energia que o 6 traz pede assentamento e tudo que represente isto será freneticamente procurado. O 6 representa a mãe e a família, trazendo muitos contratempos neste campo; para minimizá-los, deve-se diminuir sua velocidade ao entrar em casa, ouvir mais as solicitações e não optar pelo trabalho ou qualquer outra coisa ao invés da família e seus membros mais próximos. Apesar disto, sua maior satisfação e realização deste ano também virá da família. No trabalho, poderá estar assumindo maiores responsabilidades ou por acúmulo ou até por promoção. Para aqueles que estão fora do mercado, será o ano da volta. O ano também traz problemas e assuntos ligados à justiça, quebra e feitura de contratos, pagamentos, recebimentos e tudo que dependa de assinatura e acordo entre as partes. Deve-se buscar sempre acordos amigáveis e fugir ao máximo da decisão final de um juiz, apesar disto não deve-se hesitar em entrar na justiça depois que se esgotarem todas as tentativas de acordo. O momento também favorece o acerto de dívidas, das financeiras até as pessoais, como visitas, objetos e até cartas a amigos. O sentimento de harmonia e de paz vai ser presente durante o ano inteiro, isto não evitará os conflitos principalmente no trabalho e na família; o lado protetor, dominador e o excesso de zelo do 6, pode influir negativamente nos juízos e decisões, podendo deixá-lo parcial e tendencioso, portanto preste atenção e seja cuidadoso para não apoiar quem não merece em detrimento daquele que está com a verdade. Os momentos sociais e a presença de pessoas mais influentes também vão ajudar a alcançar os objetivos traçados. Aproveite ao máximo estes contatos e transforme isto em algo produtivo.  O ano pede paz, tudo que não simbolize ou não esteja de acordo com isto deve ser evitado, modificado ou simplesmente deixado de lado.

Ano Pessoal 7

O ano 7 é o ano da reforma íntima, espiritual e intelectual. Não pode ser considerado um ano tranqüilo, mas certamente será para aqueles que querem evoluir o mais profícuo deles. O ano traz muitas provas e envolvimento com as coisas invisíveis, sonhos proféticos e com alto poder simbólico, que ajudarão a decifrar os enigmas do dia-a-dia. Aumenta a intuição e a inspiração porque amplia as capacidades mediúnicas, facilitando assim uma influência maior dos guias espirituais. Por outro lado, aquele que é menos desenvolvido espiritualmente, sofrerá os ataques de energias negativas e será levado a cometer erros, ficará extremamente inseguro e poderá desencadear vários tipos de fobias. É comum neste período a pessoa procurar ajuda que vai desde uma cartomante até trabalhos de limpeza em terreiros de Candomblé, mesmo para aqueles que nunca tiveram sequer curiosidade de conhecer qualquer uma destas terapias alternativas. Por aumentar a capacidade de concentração e dar mais profundidade aos questionamentos, este será um ano positivo para pesquisas, defesas de teses ou simplesmente voltar a estudar. Tudo será absorvido com muito mais facilidade. Este aumento considerável na percepção e leitura do mundo, vai também causar um certo desconforto, porque traz consigo uma forte tendência a desconfiar demasiadamente das pessoas a sua volta. O ano também não é de ganhos financeiros, toda o movimento materialista e de obtenção de lucro, será travado. Para se ter sucesso e diminuir o impacto negativo sobre o dinheiro neste ano, deve-se priorizar o aprendizado e a descoberta de novas estratégias para o trabalho. Será importante também o trabalho nos bastidores e manter segredos dos negócios, só anunciar, depois que tiverem sido oficializados, caso contrário serão desfeitos. O 7 traz traição e inveja de inimigos e “amigos”, mudanças nos relacionamentos de amizade e amor, triângulos amorosos e perdas de laços importantes. O ano exige também meditação, aprofundamento nos assuntos internos, locais que proporcionem descanso, tranqüilidade e possibilidade de ganho intelectual e espiritual. Não tente forçar as coisas, tudo dependerá de uma análise criteriosa e de bom senso, quanto mais refinadas e profundas forem às abstrações, maiores serão os resultados e o sucesso.

Ano Pessoal 8

O ano 8 é o ano da organização, do controle financeiro e da iniciativa empreendedora. Embora seja um ano favorável aos negócios e para aumentar os ganhos financeiros, devem-se completar primeiro as lições do ano 7. O ano pede para por em prática tudo o que se estudou, pesquisou e aprendeu-se no ano passado, não é hora de refazer coisas e sim, ter domínio total do que se quer e do que se pode fazer. Para obter sucesso será preciso coragem, confiança e ambição, sem estes ingredientes o ano será negativo e improdutivo; é preciso usar também tudo o que se aprendeu nos últimos anos e colocar toda esta experiência a serviço do seu presente. É o ano da fertilidade e da energia emanada do aparelho sexual, trazendo a possibilidade de gerar filhos, mas também de doenças relacionadas ao órgão sexual. Sendo uma força feminina, ele atuará de forma mais intensa nas mulheres e dará aos homens elemento característico da entidade feminina, esta variação poderá ser percebida nas alterações constantes dos hormônios (testosterona e estrógeno), já que o 8 rege os hormônios. Antes de sair à caça para obter melhores resultados financeiros e administrativos, deve-se primeiro sanear as contas que estão vazando.  Lembre-se de que o 8 deitado representa o infinito, se não se usar a máxima positividade do número, seu resultado pode ser nulo, e dependendo de como tem se comportado nas lições do ano anterior, este ano poderá ser de saldo negativo. Tudo neste ano dependerá da forma como se administra, amor, família, trabalho e amizades devem passar por este clivo, para equilibrá-las, estabeleça objetivos e metas de acordo com a ordem de prioridade que elas tenham na sua vida.

Ano Pessoal 9

O ano 9 é o ano da conclusão e do fechamento. Neste ano tudo que ficou em aberto ou sem solução durante os últimos nove anos, ressurge como um fantasma atormentador. Paixões, amizades, trabalho, assuntos familiares, mudanças e planos incompletos, vão de uma maneira ou de outra serem lembrados neste período. Alguns pela ação direta das pessoas envolvidas e outras pelas próprias lembranças do freguês, tudo vai ser encarado como o último assalto de uma luta. O 9 representa o último estádio da jornada numerológica, todos os níveis já foram superados, é hora de testar o que se aprendeu, observar quais foram as lições que não foram devidamente cumpridas ou assimiladas, que tipo de indivíduo se criou durante estes últimos anos e qual vai continuar a jornada. Por isso, o 9 traz a sensação constante de se estar vivendo num grande teste, todos a sua volta ou querem alguma coisa ou querem provocar uma reação. Não há como não responder a estas provocações. Tudo faz parte de um grande teste e mesmo sem a consciência disto, instintivamente vai se conduzir a vida neste ano como se fosse a última chance. Objetos e lugares que liguem ao passado na medida do possível devem ser trocados, doados, vendidos ou renovados. A energia do velho não deve seguir em frente, o que tiver utilidade deve permanecer e ser feita uma nova aliança, o que não servir deve sair de cena. Isto serve também para os relacionamentos em todos os níveis, para aqueles que fazem bem e simbolizam a paz interior, um novo o pacto; aqueles que não se resolvem ou causam mal estar, devem ser extirpados da convivência de uma vez por todas. Se isto não for feito no ano 9, se manterá desta forma pelo menos por mais 9 anos, e será preciso muita força de vontade para que se possa resolvê-los antes do término deste período, mas não antes de muita luta, dor e suor. Portanto, perdoe e se livre de uma vez por todas deste assunto ou destas pessoas. O 9 traz assuntos e projetos importantes, que vão dar visibilidade e status; deve-se apenas tomar cuidado com assinaturas de contratos e documentos de qualquer espécie, isto serve para o ano inteiro. Pense grande, neste ano serão premiados todas grandes atitudes e os negócios de grande alcance e risco, não tenha medo, apenas pense no coletivo e não só no umbigo e terá sucesso em qualquer empreitada. O ano 9 conduzido sem medo ou apego ao velho abrirá um novo caminho e garantirá o sucesso do próximo ano que será o 1.

Previsões 2014

2014

O ano de 2014 será regido pelo número 7, de acordo com a chamada soma pitagórica (2+0+1+4 = 7). O 7 é considerado por quase todas as ordens espiritualistas, esotéricas, cabalistas e afins, como o número das chaves dos mistérios da vida material e espiritual, em função de ser a soma do 3 (representando a Santa Trindade) com o 4 (representando a matéria, os pontos cardiais e as fases da lua).

Para uns herméticos, para alguns, oculto e enigmático, e para outros, um número de azar; para os céticos, apenas um número primo, e para aqueles que gostam do jogo do bicho representa o carneiro.

Na filosofia pitagórica, o 7 representa a mutação que todas as coisas sofrem ao se harmonizarem, ou seja, após esgotarem todas as possibilidades de serem si mesmas com assimilação do outro. Neste momento há uma evolução, um salto qualitativo em relação à forma anterior. Trocando em miúdos, a evolução.

Na saúde, o 7 rege a psique e suas doenças estão relacionadas com estômago, intestinos, infecções, problemas nervosos e perturbações de causas psicológicas e espirituais. No Ente humano, conhecimento profundo, a auto-estima, a humildade, o equilíbrio espiritual, a discrição, a sensatez, o refinamento. No negativo: a depressão, crítica contumaz, a confusão mental, solidão, distanciamento do mundo e da realidade e as drogas de todo tipo.

Na numerologia, o 7 representa a espiritualidade, o mítico, o pensamento, a filosofia, a metafísica, o mundo espiritual, o sobrenatural, as ciências esotéricas, o estudo, a pesquisa e os sábios.

Todas estas energias estarão de certa forma balizando nossos passos, intenções e ações ao longo de 2014. Obviamente cada pessoa sentirá esta energia a seu modo e reverberará com ela de acordo com seu entendimento. Numerologicamente falando, cada ano pessoal terá por um lado a sua energia, que lhe é peculiar, somada à forma de agir do número regendo do ano, que em 2014 será o número 7.

 ano 7

Para calcular seu ano pessoal:

Dia nascimento + mês do nascimento + 2014 (ano atual) = Ano Pessoal

O número 7 é o número do ano 2014 (2+0+1+4=7)

Dia nascimento + mês do nascimento + 7 = Ano Pessoal

Pitágoras e a Numerologia

A palavra número vem de numerus, em latim, que por sua vez vem do termo grego nomos e significa “regra”, “lei” e “ordem”. Pitágoras usava a palavra arithmós, que vem do termo rythomós, que significa “fluir”. Arithmós é qualidade, relação, função, tensão, lei, ordem, regra e harmonia. Dessa forma, tudo na natureza ou no cosmos, do mais simples ao mais complexo, tem seu arithmós. Todas as coisas finitas, portanto, que constituem a série das coisas criadas, são números, têm números. Pitágoras inaugurou uma nova maneira de pensar em seu tempo, fato este que possibilitou o desenvolvimento do pensamento grego, eternizado por Sócrates, Platão, Aristóteles e outros.  Não há escritos deixados por Pitágoras. Muito do que se tem até hoje foi escrito séculos depois da sua morte. Boa parte do que é atribuído a ele foi afirmada por discípulos que nem sequer o conheceram. Durante muito tempo se pensou que ele fosse somente uma lenda, obra da imaginação de seus fanáticos discípulos que, com raras exceções, sempre mistificaram os seus ensinamentos. A história também registra vários personagens chamados Pitágoras que, embora atuassem em outros setores, foram muitas vezes confundidos com o mestre de Samos. Outro fato relevante e importante é que ele não deixou registros, numa época em que muitos de seus contemporâneos escreveram, o que faz com que alguns estudiosos desconsiderem sua importância histórica. Na verdade, sua existência está calcada na extensa obra deixada por seus seguidores e discípulos, influenciados por seu pensamento. Em outros casos, seu atestado de existência vem da veemente negação de seus postulados por seus críticos, como Aristóteles. O que se sabe de fato, pelo cruzamento de vários fragmentos estudados, é que Pitágoras de Samos viveu por volta de 569 a.C. a 470 a.C. Sua bagagem cultural foi formada durante viagens ao Oriente, quando passou pelo Egito, onde foi discípulo do sacerdote Sonchi, e pela Babilônia, onde conheceu Zaratustra ou Zoroastro. E em Creta, em sua volta à cidade natal, fundou uma escola, mas por problemas políticos, abandonou a cidade para residir no Sul da Itália, onde fundou uma ordem moral religiosa que se expandiu por várias cidades ao redor, influenciando até o modo de vida político e social de todas elas. Posteriormente, atraiu a ira de governantes que proibiram a prática de seus ensinamentos, iniciando um período de perseguição ao pitagorismo e aos pitagóricos. Esse fato obrigou Pitágoras a tornar sua prática secreta e dificultar o acesso aos ensinamentos mais superiores da ordem, evitando assim que espiões se infiltrassem nas escolas. Para Pitágoras, o ser que habita cada ente é alguma coisa que há, que houve, e sempre haverá. O ser é a parte divina em nós, mas ao homem não seria possível conhecer a Deus sob todos os aspectos porque a mente humana, por ser limitada, não consegue captar a plenitude da divindade. Mas através das coisas, seria possível ao homem conhecer de certo modo a divindade, já que as coisas são compostas de números, portanto passíveis de serem conhecidas. Para ele, o número é a chave que nos dá acesso ao conhecimento do mundo sensível e nos coloca próximos da compreensão da divindade. Seu princípio é o mesmo do ser.

Pitágoras afirmava que havia dois tipos de número: um número que está na coisa, o número concreto, e outro, que antecede a coisa, o número eidético. Apesar de ainda estar intimamente ligado a essa concepção religiosa de mundo, Pitágoras traz um elemento que o coloca acima da visão moral-religiosa: a demonstração (o cálculo). Para ele, o conhecimento só poderia ser alcançado pela suprema instrução do saber culto que é a matemática. O filósofo deve saber expressar seus conhecimentos de maneira clara e provar (demonstrar) suas teses, seguindo as normas da matemática, que ele chamava de metamatemática, a verdadeira filosofia, porque se assenta em bases objetivas e universalmente válidas, afastando-se assim do subjetivismo da opinião. “Ao considerar que o número é o fundamento de todas as coisas, ele introduziu o cálculo na física e aliou a matemática à ciência, o que permitiu o grande progresso que esta conheceu”. Embora os egípcios e chineses já empregassem a técnica da demonstração, foi com Pitágoras que a matemática deu um enorme salto epistêmico e novos contornos às formas antigas do pensamento grego, iniciando uma nova maneira de encarar o mundo, que teve seu ápice em Sócrates e Platão — embora eles nunca tivessem afirmado publicamente serem pitagóricos, até porque, nessa época, a prática do pitagorismo era proibida. A numerologia certamente tem raízes na filosofia pitagórica, mas não podemos afirmar que seja Pitágoras o seu inventor. Um raciocínio mais apurado nos leva a uma segunda questão, talvez até mais provável, a de que a numerologia, tal como a conhecemos, pode ter sido desenvolvida ao longo dos tempos por alguns de seus discípulos. Após a morte de Pitágoras, consta que os pitagóricos se dividiram em dois grupos: os acumásticos, que pregam os rituais de purificação, iniciação e os ensinamentos orais, e os matemáticos, que desenvolviam as teorias cosmológicas e a geometria. Podemos supor que a prática da numerologia tenha se desenvolvido no seio do grupo que tinha mais tendências místicas. Devido à facilidade de compreensão e aprendizado da prática numerológica, já que esta se baseia em cálculos de aritmética básica, eles conseguiram transformar esta prática, que era usada inicialmente para demonstrar matematicamente a existência e a forma de atuação do ser, no verdadeiro conhecimento pitagórico. A partir desse momento, a numerologia, que nada mais é do que o termo vulgar para “arithmosofia” (estudo dos arithmos), deixou de ser um meio para ser o fim em si mesma, e ocupou um lugar isolado na História, tendo autonomia, portanto, para desenvolver-se sem manter a fidelidade filosófica. Na Idade Média, pelas questões religiosas, e nos séculos 19 e 20, influência de místicos, psicólogos, terapeutas holísticos e alguns matemáticos, a numerologia (arithmosofia) passa a pertencer ao esoterismo e não mais ao campo da filosofia…

imagesHBWSXQPC

Numerologia nossa de cada dia – veja sua previsão para Dezembro/2013!

Primeiro, calcule seu ano pessoal:

Dia nascimento + mês do nascimento + 2013 (ano atual) = Ano Pessoal

O número 6 é o número do ano 2013(2+0+1+3=6)

Dia nascimento + mês do nascimento + 6 = Ano Pessoal

Veja na tabela abaixo, pelo seu ano, qual o seu número para o mês de dezembro:

previsão dezembro

Agora, leia sua previsão para o mês de dezembro:

Mês Pessoal 1

O mês 1 marca também o início de uma nova fase. Sua intensidade será medida pelo ano regente em questão. Em cada um deles o 1 vai se comportar de maneira diferente. Sua intensidade será menor quando regida pelos números 4, 7 e 9, nula nos anos 2 e 6 e maior nos 3, 5, 8 e 1. O mês será de mudança de rumo e provocará a necessidade de se colocar diante das coisas. Todo recuo simbolizará muito mais que perda de terreno. Devem ser usadas as características mais marcantes do número, como comando, criatividade e força de vontade. O momento marca um egocentrismo circunstancial e necessário. Sem o desejo de priorizar a si mesmo, as coisas serão difíceis e inoperantes. Será sempre um bom momento para iniciativas, como mudar de emprego, ou simplesmente buscar seus ideais.

Mês Pessoal 2

O mês 2 marca um momento de associações reuniões com pessoas. Sua influência será mais intensa nos anos ímpares 3, 5, 7 e 9; nos anos pares 2, 4, 6 e 8 poderá vir acompanhada de depressão e situações constrangedoras. As decisões devem ser tomadas em conjunto ou após consulta a pessoas de total confiança. O mês será de aprendizado e acúmulo de conhecimentos. Fique na retaguarda, não exponha seus sentimentos, tampouco seus projetos, a qualquer um. Se tiver de reclamar a alguém, faça-o em local reservado e previamente escolhido. Seu estado emocional inspira cuidados; se sentirá mais carente e solitário e qualquer negativa será tratada como rejeição. O momento requer planejamento e adiamento das decisões mais importantes. Estude e reveja tudo antes de assinar qualquer documento e, quando for inevitável, assine na presença de testemunhas e esteja acompanhado de especialistas no assunto.

Mês Pessoal 3

O mês 3 marca o momento da expansão, da imaginação e das idéias criativas. Assim como no ano 3, o mês 3 é o mais positivo entre os meses. Pode abrir caminhos e perspectivas muito acima das expectativas, bastando apenas confiança e menos rigidez. Mesmo nos anos pares 2, 4, 6 e 8 sua presença mantém as potencialidades desses números acima da média. O 3 dá o impulso necessário para que as coisas aconteçam ou, pelo menos, se tenha a disposição necessária para fazê-las. O mês traz uma vida social mais intensa, encontros e reuniões quase sempre relacionados a almoços e jantares. Por outro lado, traz também uma certa imprudência, dispersão de energia e desejo desenfreado de sentir prazer a qualquer custo e em qualquer situação. Ótimo mês para falar em público ou fazer apresentações de projetos e discursos.

Mês Pessoal 4

O mês 4 marca o momento da disciplina, do controle e do planejamento. Tudo nesse mês vai exigir muito do físico e do intelecto. As decisões só devem ser tomadas com base nos dados e na reflexão exaustiva do problema. Não corra e não precipite as coisas. Cada detalhe e cada ação devem ser feitos de maneira lenta e bem pensada. É um ótimo momento para executar tarefas, limpar a mesa, fazer reparos em casa e, principalmente, rever a rotina do trabalho. O 4 representa trabalho duro, árduo e extremamente desgastante. Deve-se cuidar da alimentação e não exceder o horário, organizar melhor as tarefas para não perder noites de sono, pois sem elas corre-se o risco de ficar doente nesse período. Se a pessoa tiver boa resistência, nada sofrerá no momento, mas colocará em risco os meses seguintes, pois estará doente e não poderá usufruir os resultados. O 4 representa no ente humano a estrutura de todos os órgãos e ferir essa vibração poderá causar distúrbios em todo o corpo. Nos anos pares sua influência é intensa e reforçará as características negativas de cada número regente do ano. No ano 4 reforçará a característica positiva do número, sendo um mês de crucial importância para as pretensões do ano. Nos anos ímpares sua influência será menor, mas causará lentidão e revisão das estratégias do ano.

Mês Pessoal 5

O mês 5 traz mudanças, deslocamentos curtos e até viagens de última hora. Sempre que tiver em mente algum tipo de mudança faça-o nesse mês, pois o 5 deixa tudo mais fácil de ser feito. É o momento de mudar planos e fazer novas tentativas; todas as experiências e todos os contatos serão válidos. O magnetismo e o poder de sedução estarão em alta durante todo o período e vão facilitar sua autopromoção e aumentar suas chances de vender sua idéia ou produto. O 5 representa todo tipo de trabalho que atue na intermediação, viagens e contato com o público. Aproveite esse período para reivindicar melhoria de condições em qualquer área. Apesar da inconstância e das mudanças de humor, a disposição e a energia sexual estarão bem acima da média, possibilitando momentos de intenso prazer. Por outro lado, estará propenso a sofrer pequenos acidentes ou desilusões afetivas. Serão dores passageiras, mas que deixarão seqüelas. Cuide do seu campo energético. Sempre que sentir uma mudança repentina no seu estado de espírito é porque está sendo influenciado por algum tipo de energia negativa ou não compatível com a sua. Meditação e banhos serão um santo remédio.

Mês Pessoal 6

O mês 6 traz mais responsabilidades e obrigações, tanto no trabalho como no âmbito familiar. Tente usar um método de organização nas suas tarefas. Seu sucesso nesse mês depende de um bom plano de ação. Sua tranqüilidade e serenidade irão contrastar com o caos a sua volta, por isso não se surpreenda se passar boa parte do tempo mediando conflitos e disputas. Haverá pressão para optar por um dos lados; não cometa esse equívoco. Seja político, mas justo. Sua palavra valerá muito e poderá causar estragos e desilusão em pessoas queridas. O momento pede também mais cuidado com assinaturas e documentos. Evite passar adiante coisas incompletas, pois se voltarão contra você em um curto espaço de tempo. É hora de buscar acordos amigáveis tanto no recebimento como nos pagamentos; não assine nada sem prévia consulta. Se tiver filhos, fique atento. Sua omissão representará a derrocada deles. O momento pede mais beleza e harmonia nos espaços de convivência. Para conseguir o que deseja, deve-se primeiro dar uma mudada no ambiente interno e no externo para depois pleitear as coisas. Proteja, dê amor e atenção e será recompensado. Seja omisso, desleixado e ciumento e será punido. Mesmo que você queira, não haverá meio-termo.

Mês Pessoal 7

O mês 7 traz um momento de provas, forças psíquicas e descobertas de segredos. Tudo será desmascarado e escancarado, desde que se esteja atento e se mantenha distância de fatos e pessoas. Deve-se observar de longe, evitar o confronto e o ímpeto de se intrometer nas coisas alheias. O mês pede segredo e discrição nas atividades de trabalho e no âmbito pessoal. “Reserva” será a palavra chave do mês. O momento é ótimo para iniciar cursos, pesquisas e levantar dados sobre qualquer assunto. O mês traz domínio e serenidade suficientes para desenvolver qualquer movimento de estudo. Para alguns, será o momento da autocrítica; para outros, essa crítica simbolizará depressão e análise autopiedosa da vida. O movimento deve ser o de esperar e aguardar. Não faça um movimento agressivo nem force as coisas; tudo virá de acordo com seu merecimento e escolhas feitas no passado. Nada do que for feito agora irá mudar o processo que foi iniciado. O que é possível ser feito hoje é diminuir o impacto das notícias negativas e se preparar para não cometer os mesmos erros no futuro. Tudo deve ser analisado e ponderado calmamente. Apesar da insegurança e da desconfiança das pessoas e da sua capacidade de resolver problemas, mantenha o controle e não precipite as ações. Sempre haverá uma alternativa e não será a última chance. Durante todo o mês

Deve-se praticar também a técnica de profetização usada na iniciação dos sacerdotes egípcios através dos sonhos. Antes de deitar, deixar sobre a cabeceira da cama uma lista de pessoas com quem precisa conversar ou tem algum problema para resolver e fazer também uma lista de assuntos sobre os quais tem dúvidas sobre sua viabilidade e sucesso. Ao acordar pela manhã, anote os sonhos e tente usá-los como orientação na sua vida prática. Além de se conhecer melhor, evitará gastar dinheiro com consultas esotéricas.

Mês Pessoal 8

O mês 8 é o mês da execução. Se no 4 a palavra-chave era “ordem”, no 8 é o momento da organização e da gestão da ordem estabelecida, ou seja, a sua aplicação avalizada. É hora de colocar em prática tudo que se aprendeu e mexer nas peças que impedem a chegada ao topo ou aos objetivos mais importantes da vida cotidiana. O mês pede ação com conhecimento de causa, não há espaço para “achismos” ou senso comum. Se não consegue desenvolver com competência ou ainda não aprendeu, chame quem possa fazer por você. Sob qualquer ano pessoal, o mês 8 é positivo, apenas com uma pequena ressalva ao ano 7, que pede mais paciência e humildade tanto no tratamento com as pessoas como no trabalho a executar. Não perca tempo com assuntos menores nem fique dando guarida para desavenças pessoais. Seja prático e objetivo, vise a resultados e prefira substituir a remendar. Se sentir nervosismo incomum nesse período, faça um check-up, verifique se há alterações nas taxas de hormônios e não desconsidere dores na região do aparelho genital. Tente usar bem sua autoridade e não desperdice energia com fanfarrices. Ao sinal de dificuldades, analise e só insista se os números da planilha forem favoráveis. Caso contrário, pare, pois nesse período os prejuízos também são grandes.

Mês Pessoal 9

O mês 9 é o mês da conclusão. Assuntos antigos que ficaram em aberto devem ser concluídos e revisados de maneira minuciosa. Não assine nem tome decisões antes de ter todas as informações de forma clara e global. Há muitos detalhes para acertar definitivamente as coisas. Mesmo assim, não perca a visão do todo e suas implicações. O mês correrá de forma lenta e truncada e, em compensação, as decisões serão avassaladoras e repercutirão por alguns meses. Portanto, pense bem antes de agir. Será um mês de testes, no trabalho e na família. Deixe as coisas claras e não esconda o que é desnecessário e sem importância. Isto vai transformar algo inofensivo e despretensioso em um grande monstro, principalmente no trabalho, onde estão observando todos os seus passos. Seja cauteloso e siga todos os procedimentos. Pode haver ascensão, mas também queda causada mais por má impressão do que por incompetência. Troque as coisas que incomodam por paz e tranqüilidade, não tenha medo de substituí-las; tudo que causar aborrecimento neste período significa que já chegou ao máximo da saturação. Não há mais o que remendar.

Numerologia nossa de cada dia – veja sua previsão para hoje: 29/11/2013

Primeiro, calcule seu ano pessoal:

Dia nascimento + mês do nascimento + 2013 (ano atual) = Ano Pessoal

O número 6 é o número do ano 2013(2+0+1+3=6)

Dia nascimento + mês do nascimento + 6 = Ano Pessoal

Veja na tabela abaixo, pelo seu ano, qual o seu mês e dia pessoal correspondente:

29 nov

Agora, leia sua previsão para o dia de hoje:

Dia Pessoal 1

O dia é de movimento, pede comando e controle das ações. É um dia que traz coisas novas e diferentes. Deve-se estar preparado para impor suas idéias e manter o foco de seus projetos; o dia 1 não tolera recuos e omissões. Para torná-lo positivo deve-se ir até as pessoas e ao encontro das coisas. Se sua ação depender de outras pessoas, certifique-se de que as coisas estejam sendo feitas conforme o planejado. Não confie em ninguém, tampouco peça conselhos. Confie apenas na sua capacidade e na sua razão.

Dia Pessoal 2

O dia é lento e chato, bom para reuniões, trabalhos de pesquisa e relatórios. A conduta deve ser passiva e defensiva. Todas as informações que chegam neste dia devem ser checadas. Não decida nada antes de ouvir os lados envolvidos e não dê abertura para comentários. Num dia 2 é comum as coisas acabarem virando contra quem não tem responsabilidade nenhuma sobre o assunto. O dia traz sensibilidade e carência afetiva, além de um sentimento de perda que não destaca a procedência. Procure estar na presença de amigos e pessoas queridas

Dia Pessoal 3

O dia é movimentado e cheio de alternativas. É O momento de falar o que pensa e como se sente diante de Algumas coisas, sempre usando o bom senso e se policiando para não ser indiscreto. Ocupe os espaços, senão alguém o fará no seu lugar. Não fique preso somente às suas atividades; explore mais outros campos ou experimente criar alternativas. O dia pede exposição da imagem e presença. Não recue e não se esconda por motivo algum: a submissão e a omissão serão punidas. O momento é ótimo para almoço ou jantar de negócios. Esclareça tudo que puder e não desperdice tempo com assuntos fúteis; seja incisivo e direto. Procure não ficar muito tempo em lugares fechados — o 3 gosta de liberdade e qualquer limitação causará irritação.

Dia Pessoal 4  

O dia é lento e cansativo. Haverá necessidade de rever posições e as decisões tomadas no dia anterior. O momento é de fazer as contas, limpar a mesa e não gastar dinheiro. Evite deslocamentos, pois os contatos estarão dificultados pela lentidão do dia. Não force as coisas, pois o resultado será o mesmo que obterá se não procurar ninguém. Portanto, gaste energia com outras coisas. Só vá a reuniões que já estejam marcadas e, sempre que tiver chance de agendar uma reunião, visita ou entrevista, nunca use o dia 4, que traz sempre contratempos, como atrasos na sua chegada ou da outra pessoa, até cancelamentos de última hora. Esse dia é ideal para execução de tarefas e concentração plena nas prioridades. Qualquer inversão pode ser prejudicial aos seus propósitos. Evite tomar decisões sobre dinheiro nesse dia, e faça só aquilo que já estava planejado, porque o dia pode reservar surpresas no campo financeiro. Tente comer em horários adequados e, se possível, não deixar de fazer nenhuma refeição. O final do dia será muito cansativo; tente dormir mais cedo.

Dia Pessoal 5

O dia é agitado e cheio de alternativas; evite mandar recado ou usar intermediários nos seus assuntos. Tente ir até as pessoas. Hoje sua energia está sedutora e cativante e as pessoas irão ouvi-lo e poderão se convencer com mais facilidade. Não cante vitória antes do tempo: no dia 5 tudo pode acontecer ou mudar de uma hora para outra. Quanto mais livre e atento ficar, mais sucesso terá. Procure não ficar em lugares fechados, pois se sentirá irritado em boa parte do dia. Procure ficar em deslocamento ou mudar um pouco a rotina. Para alcançar seus objetivos e aproveitar melhor a energia do dia, seja mais ousado, arrisque e deixe a mente mais aberta.

Dia Pessoal 6

O dia será tranqüilo e sereno se você não buscar confronto. Se desconsiderar essa regra, terá problemas. O dia pede acordo, muito jogo de cintura para cumprir as tarefas e os seus compromissos financeiros, contratuais, familiares, pessoais e até amorosos. Embora pareça bobagem, dê mais atenção a seu jeito de vestir e de arrumar o local de trabalho. Mesmo que seja de forma bem singela, mudar somente um pequeno detalhe fará uma tremenda diferença e trará uma atmosfera positiva contagiante a sua volta. Dê atenção para os assuntos familiares; não tente impor suas idéias, ouça, pondere e assimile as queixas. Não encare isso como um fardo. No trabalho também é preciso aceitar outras posições que não as suas. Além de sábio, evitará disputas desnecessárias.

Dia Pessoal 7

O dia começa com sonhos importantes e proféticos. No mês 7, principalmente, use as técnicas de profetização através dos sonhos. Antes de sair de casa, medite. Isto fará com que se abra um canal de comunicação com seus guias espirituais. Lembre-se de que esse circuito só se manterá aberto se sua frequência se mantiver constante. Use a máxima “orar e vigiar”. Lembre-se também de que nem toda ajuda espiritual fará com que se tenha sucesso se não houver antes análise, ponderação e força de vontade. Guarde segredo ao máximo sobre suas coisas e só comente algo com quem está envolvido diretamente no processo. Mesmo assim, só o estritamente necessário. Evite discussões, pois o 7 deixa as pessoas sarcásticas e excessivamente críticas. Qualquer palavra mal colocada poderá ocasionar rachas com pessoas queridas de forma desnecessária.

Dia Pessoal  8

O dia 8 costuma ser um dia bastante positivo, mas está ligado diretamente às tarefas cumpridas no dia anterior. Ele traz coragem, iniciativa e bom faro para assuntos cotidianos e financeiros. Coloca as coisas em seus devidos lugares e faz com que os movimentos executivos e práticos sejam premiados com bons resultados. Pode-se forçar as coisas, exigir das pessoas compromisso e competência, mas não se deve ser injusto. Procure reconhecer os méritos daqueles que ajudam independentemente do tamanho da função. Todas as decisões ou reuniões importantes que tenham como objetivo finanças e grandes negócios devem ser agendadas para esse dia. O 8 traz confiança e atenção às coisas materiais, mas também pode ser de grande ajuda na resolução de problemas cotidianos e familiares. O dia deve ser planejado e gerido ao máximo para obter bons resultados. É o dia das grandes cartadas e pensar nele somente no próprio dia fará com que se desperdice energia de forma desnecessária e se tenha prejuízo.

Dia Pessoal 9

O dia 9 é truncado e cansativo, traz assuntos não resolvidos e término de prazos para tudo. Tente enxergar o lado bom das coisas e não encare os obstáculos como fracasso ou desleixo. Aumente sua força e faça o máximo para ultrapassá-los. Prepare-se antecipadamente para esse dia deixando no dia anterior tudo que vai precisar à disposição, e comece o dia atacando aquilo que certamente será problema. Sua energia deve ser canalizada para terminar as coisas. Não perca tempo com assuntos pequenos e de ordem pessoal, priorize o que é importante não só para você, mas também para os que estão a sua volta. O dia 9 também traz coisas importantes e decisivas. Para encontrar a melhor saída, veja o que o ano e o mês estão lhe pedindo. Momento de acertos cármicos, muitas situações de hoje já foram vividas em encarnações anteriores, sua hora de fazer diferente, ou melhor, fazer certo. Aja com justiça e evite se achar vítima das situações, o algoz de hoje com certeza foi a vítima de ontem.

Numerologia nossa de cada dia – veja sua previsão para hoje: 28/11/2013

Primeiro, calcule seu ano pessoal:

Dia nascimento + mês do nascimento + 2013 (ano atual) = Ano Pessoal

O número 6 é o número do ano 2013(2+0+1+3=6)

Dia nascimento + mês do nascimento + 6 = Ano Pessoal

Veja na tabela abaixo, pelo seu ano, qual o seu mês e dia pessoal correspondente:

28 nov

Agora, leia sua previsão para o dia de hoje:

Dia Pessoal 1

O dia é de movimento, pede comando e controle das ações. É um dia que traz coisas novas e diferentes. Deve-se estar preparado para impor suas idéias e manter o foco de seus projetos; o dia 1 não tolera recuos e omissões. Para torná-lo positivo deve-se ir até as pessoas e ao encontro das coisas. Se sua ação depender de outras pessoas, certifique-se de que as coisas estejam sendo feitas conforme o planejado. Não confie em ninguém, tampouco peça conselhos. Confie apenas na sua capacidade e na sua razão.

Dia Pessoal 2

O dia é lento e chato, bom para reuniões, trabalhos de pesquisa e relatórios. A conduta deve ser passiva e defensiva. Todas as informações que chegam neste dia devem ser checadas. Não decida nada antes de ouvir os lados envolvidos e não dê abertura para comentários. Num dia 2 é comum as coisas acabarem virando contra quem não tem responsabilidade nenhuma sobre o assunto. O dia traz sensibilidade e carência afetiva, além de um sentimento de perda que não destaca a procedência. Procure estar na presença de amigos e pessoas queridas

Dia Pessoal 3

O dia é movimentado e cheio de alternativas. É O momento de falar o que pensa e como se sente diante de Algumas coisas, sempre usando o bom senso e se policiando para não ser indiscreto. Ocupe os espaços, senão alguém o fará no seu lugar. Não fique preso somente às suas atividades; explore mais outros campos ou experimente criar alternativas. O dia pede exposição da imagem e presença. Não recue e não se esconda por motivo algum: a submissão e a omissão serão punidas. O momento é ótimo para almoço ou jantar de negócios. Esclareça tudo que puder e não desperdice tempo com assuntos fúteis; seja incisivo e direto. Procure não ficar muito tempo em lugares fechados — o 3 gosta de liberdade e qualquer limitação causará irritação.

Dia Pessoal 4  

O dia é lento e cansativo. Haverá necessidade de rever posições e as decisões tomadas no dia anterior. O momento é de fazer as contas, limpar a mesa e não gastar dinheiro. Evite deslocamentos, pois os contatos estarão dificultados pela lentidão do dia. Não force as coisas, pois o resultado será o mesmo que obterá se não procurar ninguém. Portanto, gaste energia com outras coisas. Só vá a reuniões que já estejam marcadas e, sempre que tiver chance de agendar uma reunião, visita ou entrevista, nunca use o dia 4, que traz sempre contratempos, como atrasos na sua chegada ou da outra pessoa, até cancelamentos de última hora. Esse dia é ideal para execução de tarefas e concentração plena nas prioridades. Qualquer inversão pode ser prejudicial aos seus propósitos. Evite tomar decisões sobre dinheiro nesse dia, e faça só aquilo que já estava planejado, porque o dia pode reservar surpresas no campo financeiro. Tente comer em horários adequados e, se possível, não deixar de fazer nenhuma refeição. O final do dia será muito cansativo; tente dormir mais cedo.

Dia Pessoal 5

O dia é agitado e cheio de alternativas; evite mandar recado ou usar intermediários nos seus assuntos. Tente ir até as pessoas. Hoje sua energia está sedutora e cativante e as pessoas irão ouvi-lo e poderão se convencer com mais facilidade. Não cante vitória antes do tempo: no dia 5 tudo pode acontecer ou mudar de uma hora para outra. Quanto mais livre e atento ficar, mais sucesso terá. Procure não ficar em lugares fechados, pois se sentirá irritado em boa parte do dia. Procure ficar em deslocamento ou mudar um pouco a rotina. Para alcançar seus objetivos e aproveitar melhor a energia do dia, seja mais ousado, arrisque e deixe a mente mais aberta.

Dia Pessoal 6

O dia será tranqüilo e sereno se você não buscar confronto. Se desconsiderar essa regra, terá problemas. O dia pede acordo, muito jogo de cintura para cumprir as tarefas e os seus compromissos financeiros, contratuais, familiares, pessoais e até amorosos. Embora pareça bobagem, dê mais atenção a seu jeito de vestir e de arrumar o local de trabalho. Mesmo que seja de forma bem singela, mudar somente um pequeno detalhe fará uma tremenda diferença e trará uma atmosfera positiva contagiante a sua volta. Dê atenção para os assuntos familiares; não tente impor suas idéias, ouça, pondere e assimile as queixas. Não encare isso como um fardo. No trabalho também é preciso aceitar outras posições que não as suas. Além de sábio, evitará disputas desnecessárias.

Dia Pessoal 7

O dia começa com sonhos importantes e proféticos. No mês 7, principalmente, use as técnicas de profetização através dos sonhos. Antes de sair de casa, medite. Isto fará com que se abra um canal de comunicação com seus guias espirituais. Lembre-se de que esse circuito só se manterá aberto se sua frequência se mantiver constante. Use a máxima “orar e vigiar”. Lembre-se também de que nem toda ajuda espiritual fará com que se tenha sucesso se não houver antes análise, ponderação e força de vontade. Guarde segredo ao máximo sobre suas coisas e só comente algo com quem está envolvido diretamente no processo. Mesmo assim, só o estritamente necessário. Evite discussões, pois o 7 deixa as pessoas sarcásticas e excessivamente críticas. Qualquer palavra mal colocada poderá ocasionar rachas com pessoas queridas de forma desnecessária.

Dia Pessoal  8

O dia 8 costuma ser um dia bastante positivo, mas está ligado diretamente às tarefas cumpridas no dia anterior. Ele traz coragem, iniciativa e bom faro para assuntos cotidianos e financeiros. Coloca as coisas em seus devidos lugares e faz com que os movimentos executivos e práticos sejam premiados com bons resultados. Pode-se forçar as coisas, exigir das pessoas compromisso e competência, mas não se deve ser injusto. Procure reconhecer os méritos daqueles que ajudam independentemente do tamanho da função. Todas as decisões ou reuniões importantes que tenham como objetivo finanças e grandes negócios devem ser agendadas para esse dia. O 8 traz confiança e atenção às coisas materiais, mas também pode ser de grande ajuda na resolução de problemas cotidianos e familiares. O dia deve ser planejado e gerido ao máximo para obter bons resultados. É o dia das grandes cartadas e pensar nele somente no próprio dia fará com que se desperdice energia de forma desnecessária e se tenha prejuízo.

Dia Pessoal 9

O dia 9 é truncado e cansativo, traz assuntos não resolvidos e término de prazos para tudo. Tente enxergar o lado bom das coisas e não encare os obstáculos como fracasso ou desleixo. Aumente sua força e faça o máximo para ultrapassá-los. Prepare-se antecipadamente para esse dia deixando no dia anterior tudo que vai precisar à disposição, e comece o dia atacando aquilo que certamente será problema. Sua energia deve ser canalizada para terminar as coisas. Não perca tempo com assuntos pequenos e de ordem pessoal, priorize o que é importante não só para você, mas também para os que estão a sua volta. O dia 9 também traz coisas importantes e decisivas. Para encontrar a melhor saída, veja o que o ano e o mês estão lhe pedindo. Momento de acertos cármicos, muitas situações de hoje já foram vividas em encarnações anteriores, sua hora de fazer diferente, ou melhor, fazer certo. Aja com justiça e evite se achar vítima das situações, o algoz de hoje com certeza foi a vítima de ontem.